Pular para o conteúdo principal

Postagens

Mostrando postagens de Dezembro, 2015

Desculpa, amor

É verdade, não sei falar direito ou dizer o que há em mim. Não sei me explicar, na verdade, não sei nem o que se passa aqui dentro. Ultimamente tenho perdido até o jeito de escrever, não sei mais e nem sei por quê.
É verdade, eu sei dos meus defeitos e você os conhece também, tão bem como nenhum outro. Sou calada, as vezes até fechada se estou triste e se estou mal contigo não consigo me animar pra ninguém mais. Meus pensamentos são como redemunhos, vêm e se vão, voltam e atormentam tudo. Tenho muitas perguntas sempre e quase nunca obtenho respostas. As vezes nem me dou ao trabalho de procurá-las. Admito, tenho medo de revelar meus pensamentos às pessoas e por isso antes eu tentava passá-los para o papel - 'dom' que venho perdendo cada dia mais -, mas você sempre os percebe, sempre sabe como estou, se estou bem ou mal, se tenho dúvidas ou certezas. Não importa se tento me esconder, você consegue me achar lá no fundo, bem no cantinho onde ninguém jamais ousaria me procurar. E …

Nossa simplicidade

Pouco sei sobre o amor, é verdade. Quem seria eu para falar dele ou entendê-lo? Sou jovem e sem experiência e, além de tudo, há pouco tempo conheci esse amor verdadeiro: mais precisamente há 10 meses. E você veio junto dele, veio para mim. E agora, como falar dele como eu gostaria? Não espere que eu o desvende: uma vez um professor me disse que o amor é bastante simples e por isso mesmo, por ser simples, nós não poderíamos defini-lo. Mas, apesar de não poder dizer o que é o amor, eu digo que te amo, arriscando não saber o que ele é, mas sabendo que sinto-o dentro de mim e com a minha vida.
Porque eu o amo. Até o seu nome no meu telefone eu amo, principalmente quando está chamando nele ou mesmo quando não está. Eu te amo esperando sua ligação ou ouvindo sua voz através dela. Ah! E amo sua risada, eu já disse isso? Ela é de fato bem estranha, mas eu amo ouvi-la. Ela, só ela, já me torna a mulher mais feliz do mundo. Então ri pra mim agora? Ou solta seu sorriso lindo e sincero que gosto…

Receita: pavê de maizena

Ingredientes: ♥ 1 lata de creme de leite ♥ 2 latas de leite condensado ♥ 1 lata de leite (a mesma medida da lata de leite condensado) ♥ 2 gemas ♥ 2 colheres de maizena ♥ 3 colheres de chocolate em pó ♥ 2 pacotes de biscoito maizena ♥ 1 colher de sopa de margarina ♥ 1 xícara de leite para molhar os biscoitos
Preparo ♥ Primeiro pegue uma lata de leite condensado, as gemas, a maisena e a lata de leite, coloque no fogo e mexa até que vire um creme ♥ Reserve ♥ Coloque em outra panela a segunda lata de leite condensado com a margarina e o chocolate ♥ Deixe no fogo até ficar um creme tipo brigadeiro ♥ Desligue o fogo e junte com metade da lata do creme de leite. Depois de esfriar um pouco, coloque o resto do creme de leite
Montando ♥ Coloque em um depósito metade do creme branco ♥ Depois, mergulhe alguns biscoitos no leite até que fiquem um pouco moles (não moles demais) e coloque sobre o creme ♥ Em seguida, coloque metade do creme de chocolate em cima, com mais uma camada de biscoitos maizena…